Publicado por: Weskley Cotrim | 15/06/2008

Devocional – Dia 7 – A Verdade sobre a Tentação

Introdução

Você sabe o que se põe exatamente entre você e seu próximo pecado? Algo chamado “tentação”. Por isso, o momento em que você leva a sério a “Santidade Pessoal” é o momento em que você deve levar a sério também o “Tempo de Tentação”. Agora que você foi introduzido ao assunto de santidade bíblica na primeira sessão, é hora de você também ser introduzido ao assunto de tentação: o que são e como funcionam as tentações.

Tentações são estratégias na sua busca pela santidade pessoal. Por quê? Porque elas se põem entre você e seu objetivo de santidade. Como? Tentações são a porta de entrada para todo pecado. Ainda que você possa não ter reconhecido isto, você foi tentado antes de pecar. Imediatamente você pode ver a profundidade do poder das tentações em sua vida. No momento da tentação, você pode de igual modo experimentar derrota ou vitória. Derrota em face às tentações leva sempre ao pecado, e vitória leva à vida. Tentação é o dominó que lidera a cadeia que definitivamente leva ao grande desapontamento, ao sofrimento e a alienação.

O que a Bíblia Ensina

Alguma vez já ouviu alguém dizer: “Deus me fez fazer isso” ou “A Tentação foi tão forte que eu não pude aguentar” ou “Sou diferente porque ninguém enfrenta as poderosas tentações que eu enfrento” ou “Sempre fiz isso, não consigo para” ou “O Diabo me faz fazer isso” ou “Não é minha culpa, é de família”, etc?

Soa familiar? Elas são as mentiras comuns que dizemos para nós mesmos quando queremos dar permissão para nós mesmos para pecarmos. Fazemos das “mentiras” tão lógicas na nossa mente que nos entregarmos a tentação torna-se a única solução, isto é chamado de “mentiras racionais”. Felizmente, a Bíblia é a revelação poderosa do Senhor considerando a “verdade racional” sobre a tentação. Leia cuidadosamente 1 Coríntios 10.13:

“Não vos sobreveio tentação que não fosse humana; mas Deus é fiel e não permitirá que sejais tentados além das vossas forças; pelo contrário, juntamente com a tentação, vos proverá livramento, de sorte que a possais suportar”.

Para Você Meditar

A Verdade é que “Não vos sobreveio tentação que não fosse humana”. Por isso, nunca acredite na mentira que sua tentação é única e incomum. Nunca acredite na mentira que esta tentação que você frequentemente enfrenta é “tão esmagadora” que dê a você a desculpa para “tive que me entregar”. Porque aquela “tão esmagadora” tentação é, na realidade, muito comum. Constantemente, enquanto as pessoas me contam sobre suas mais fortes tentações, elas sempre se chocam quando eu compartilho que o que elas estão enfrentando são as mesmas tentações das quais João, Maria e José ainda não falaram para elas. Então, se João, Maria e José podem enfrentar aquela mesma tentação e dizer “não” minuto após minuto, como você decidiu que a única coisa que lhe resta fazer é dizer “sim”?

Pense mais profundamente sobre aquele pensamento que suas tentações são tão fortes que elas literalmente esmagam você. Esta passagem ensina claramente que “Deus não permitirá que você seja tentado além das suas forças”. Por isso, nunca acredite, nem por um momento, que suas tentações são “fortes demais”. Porque não são. Nunca foram. Nunca serão. Você apenas acreditou no sussurro que você é “diferente” e ninguém mais entenderia. Ignore este sussurro e ouça a ousada declaração da Verdade: “Deus não permitirá que você seja tentado além das suas forças”.

Deus diz que Ele é fiel e não permitirá que isto aconteça. Você não sabe que Deus reconhece que criou Satanás mais forte e mais esperto e mais engenhoso que você? Se Deus não limitasse as tentações, você e eu não teríamos chance! Este é o motivo pelo qual Deus está bem ao seu lado. Conte com isto. Eu clamo ao Senhor, “O Grande Limitador”! Nunca mais direi, “Satanás me fez fazer isso ou minhas tentações são apenas fortes demais para mim”. Por isso que aquilo não é verdade.

O Senhor conhece você e suas limitações e Ele soberanamente para a força da tentação antes que ela force sua habilidade de dizer “não”. Você acredita nisto? Que maravilhoso é contar com a fidelidade de Deus no seu Tempo de Tentação! Quando você sente que aquela maré de ondas está afogando você, fale a verdade! Não ouça ao sussurro do tentador, brade a verdade: “mas Deus é fiel e não permitirá que sejais tentados além das vossas forças”.

A Bíblia recua o véu toda vez e por um espaço de tempo e permite-nos ver o vislumbre desta verdade. Lembra de Pedro que foi severamente tentado e não permaneceu firme durante seu “Tempo de Tentação”? A tentação foi além de seu limite? Ouça a Jesus em Lucas 22.31: Simão, Simão, eis que Satanás vos reclamou para vos peneirar como trigo”! Satanás tinha pedido permissão a Deus para tentar Pedro. E, em 2000 anos tendo passados desde aquela época, nada mudou a não ser o nome de Pedro. Conte com isto, Deus não permitirá que Satanás o tente além de suas forças. E, a propósito, Pedro não tinha que se entregar a sua tentação de igual modo.

Texto do Pr. Eduardo Arata
Que Deus abençoe a todos.


Responses

  1. Qual é a diferença entre buscar santidade e lutar pela perfeição? A base para todo crescimento na santidade é sempre a purificação do pecado.
    Por que? Porque o pecado não é nada mais e nada menos do que impureza. Portanto, a busca pela santidade deve começar por aquelas áreas da vida que ficaram fora da vontade de Deus.

    recomendo…

  2. Cada pessoa tem predisposição para uma determinada fraqueza maior: dinheiro, pornografia, poder, trabalho, drogas, alcool, mentira, etc. Acho importante demais que a(s) identifiquemos e concentremos nossos esforços contra ela(s).
    Como pessoas que se dizem cristãs conseguem sobreviver espiritualmente sem frequentar a presença de Deus? Sua proximidade nos comunica renovo e poder para viver essa vida humanamente impossível que é a única, verdadeira e sobrenatural vida cristã.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: